Memórias inventadas – As Infâncias de Manoel de Barros (trecho)

Memórias inventadas – As Infâncias de Manoel de Barros (trecho) 

O filósofo Kierkegaard me ensinou que cultura é o caminho que homem percorre para se conhecer. Sócrates fez o seu caminho de cultura e ao fim falou que só sabia que não sabia nada. Não tinha as certezas científicas. Mas aprendera coisas di-menor com a natureza. Aprendeu que as folhas das árvores servem para nos ensinar a cair sem alardes. (…)

(Manoel de Barros)
(Digitado e conferido por mim mesmo em 26 de agosto de 2012 no livro Memórias inventadas – As Infâncias de Manoel de Barros, São Paulo: Planeta do Brasil, 2010. p. 129)

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *