Miguel Torga – a infância, o amor e a doença

Miguel Torga

“Ficou um pouco atônito quando declarei no meio da conversa que só havia três coisas sagradas na vida: a infância, o amor e a doença. Mas depois compreendeu. Acabei por lhe demonstrar que tudo se podia atraiçoar no mundo, menos uma criança, o ser que nos ama e um enfermo. Em todos esses casos a pessoa está indefesa.”

(Miguel Torga, in Diário, Coimbra, 27 de Outubro de 1974)

Leia mais citações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *