olhando além

nunca sou
o que era pra ser
nunca soul
no que é

tenho visto tantas belezas tristes nas paisagens
sorrindo música
e calando silêncios

agora as velhinhas
vão pra missa
agradecer
mancando
com laquê

e eu dou outra volta na praça
só pra ver de perto
um par de pernas jovens

depois subo
abro totalmente a janela do AP
consciente:
só pro mosquito entrar
e me morder

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=PNc278W45ck&w=420&h=315]

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *