vou

Talvez amor livre seja isso:
poder voar pra onde quiser
e preferir o ninho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *