OS ESCAFANDRISTAS VIRÃO DE ÔNIBUS

0ccfc svicent4 712130

você levanta o apoio do braço
e espera por mim
com seu sorriso mais seu

depois escolhe Chico Buarque
e vamos assim
unidos pelos versos
tudo absolutamente erótico…

sobre teu colo saltitante
só vejo a baía
a glória do horizonte
sem beco nenhum

nos dois braços que se tocam
desnudos
me perco em perfume
pele com pele
celebrando mínimos contatos
tatos de manhãs sorrindo

se as pernas se alisam suave
meu solto olhar cobre seus seios
(manta de desejo, toque, harpejo…)

não bastasse seu decote
o tecido era vermelho
para todos os meus touros tolos
sentirem mais vontade
de atravessar sinais…

não se afobe não…

meu casaco
abraça o que não posso
 

Uma resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *