PESADO

após a noite mais fria do ano
dos olhos do ser sem água
correm rios
onde brincariam crianças futuras
com risos bobos e sinceros

leves
extremamente leves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *