VOU, VÔO

minha poesia me ultrapassa
minha vida relaxa, tensa, quer ir, pássara
minha paz imensa já chegou
e não tem pra onde explodir

aec4c pomba

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *