Ah, mar…

Este post inspirou este poema:

DELICIOSAMENTE

quero um mar
de dias como hoje:
tudo sossegadamente
no lugar
 

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *