VOLTANDO AO MONSTRO DE AÇO

hoje vesti o sorriso pra fora
engomei o sapatos com passos
reiventei as grades como enfeites de metal
subi na mesa mais terrível do quintal
e colhi diamantes de ouro
numa vitória só minha

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *