ESSES TODOS SÃO SEUS FILHOS?

silhuetas ilusórias e curvas
sinos que sentem muito
peso de medida
balançar no final da tarde
badalos
no final do copo vazio
o último gole
de poesia
 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *