TUDO IGUAL

resisto e crio:
invento
e creio…

5 respostas

  1. Estava eu buscando "sala de espera" no Google e sem querer cai no seu blog. Muitas surpresas boas neste passeio inesperado. Parabéns! Adorei os seus poemas e posts. Vou voltar :)Patrícia

  2. desculpa não comentar diretamente este belo verso, Fabio, mas Zeus é testemunha que eu procurei (e não achei) o "Loverboy" só pra te dizer: não sossegue jamais! rsrs…e boa jornada (nova!)beijo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *