POEMA A 4 MÃOS

mas a poesia nos une
e nos encanta
e nos encantamos um ao outro
poesia
ponte
um ser
outro ser
unidade
dividir
pra somar
crescer
expandir
romper
fomentar sonhos
e realizar
SER

(Fátima Nascimento – )

***

no agora
de um só
um ser
outro ser
entre ser só
e ser mais
SER

2 respostas

  1. Fábio e Fátima,Poesias a quatro mãos são sempre um desafio e sempre interessantes. Fiz uma recentemente.Esta ode à poesia que vocês fizeram, de quatro mãos resultou uno.Abraços,Ivan Buenoblog: Empirismo Vernacularwww.eng-ivanbueno.blogspot.com

  2. Fábio: obrigada por dividir seu atestado talento comigo (sempre aprendiz).Ivan: grata pelo incentivo e comentário.Viva a poesia! Vivamos em poesia!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *