NA BEIRA DO MÁXIMO

Andei dois sóis
pra empurrar a tarde que tardava
mas o que arde cura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *