ABENÇOADO TRABALHO

Ah, meus eus
lá vem maio…

Lá vem maio
certeiro.

Lá vem maio
e
na impossibilidade de dormir por um mês
entre o fantasma do natal passado
e o fantasma do natal futuro
vou trabalhar
oito horas por dia
outra vez.

8 respostas

  1. Maravilhoso! levinho, levinho… e lá vou eu também, nadando contra a maré até o próximo natal, e depois tudo outra vez.Meubeijopravocê

  2. Fábio, a gente reclama quando está na correria, mas fica maluco sem ela, não é não? Bom retorno, meu amigo, muito sucesso e, principalmente, satisfação!! Grande beijo!

  3. POETA QUERIDO..REALMENTE TRABALHAR OITO HORAS É BARRA, NESCESSÁRIO, MAS FEROZ.COMO DIZIA O POETINHA O BOM MESMO É GANHAR A VIDA COM POESIA.BJUIVOS NO SEU CORAÇÃO.LOBA.

  4. A gente persiste na poesia, apesar das 8 horas de trabalho.Por vezes é chato, os colegas não tem nada a ver, mas a poesia permanece.Pode até modificar um pouco a temática, mas este dom, esta diferença a gente continua tendo.Eu que o diga com meus 30 anos de Serviço Público…Felicidades pra vc.Abraço.Ricardo Mainieri

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *