BECO SEM SAÍDA

Para Luiz Guilherme Libório Sapiens

não sei se durmo
ou se escrevo

a vida cheia
ou vazia
não dá na mesma
poesia?

12 respostas

  1. Fabio,beco sem saída que leva-nos à inquietude. Hum… inquietude? 'não sei se durmoou se escrevo'. A vida tudo em partes das partes em tudo, uma loucura, que numa mesma poesia nasce outra outra, nunca em término, nem à morte derruba, pois a poesia é viva e se regenera milagrosamente no beco sem saída.Luiz,queres saber quem é um poeta? O que te olha e espia para te recolher e depois guardar num lugar que é só teu. E te faz mergulhar as mãos na vida para sentires a cor indizível a voltar no palco.Abraços belos homens!Priscila Cáliga

  2. Se a vida é meio, sim – é meio cheio e meio vazio e tudo é poesia e o que sonho ou escrevo é puro desejo que da falta se torna poesia.Não tens saída – faz versos.Muito bom!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *