MELODIA

Para I.

Lambidas lembranças eróticas
da paixão ereção:
vôos nus para ti
vôos sorrisos
das almas se tocando dificultosas
entre tanta linguagem
línguas vencem
flores sensíveis
e castas
porém úmidas
pétalas macias
sem lágrimas, sem lágrimas…

Tudo pra dar errado
e dar certo…

Tanto imaginário
e no entanto
real:
o início
o fim
e o meio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *