CERTA PAZ

Hoje
quando eu não lia
e a chuva chovia
era uma tarde morna e vagarosa
varanda calma quase fria:
amendoeira me sorria.

5 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *