ESTRELINHAS

Às 3 da manhã de amanhã
acordei o sono que dormiu demais:
um poema entrelinhas
entre as linhas abertas dos olhos
um poema a mais
dentretantos

3 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *