ASSÉDIO

Antes do tédio,
o amor.

O som
como nunca antes
claro
como brisa
calma
pela casa
velha
crescendo na
cor.

I love you.

Roma
de manhã
é azul., após assistir “Assédio”, de Bernardo Bertolucci

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *