Hotwords? Viva o Adsense!

Para quem quer obter renda (ou, vulgarmente, grana, dinheiro, mufunfa) com site ou blog, pela menor relação aporrinhação/lucro, recomendo cada vez mais o Google Adsense.

O Via Tráfego nunca me pagou ou respondeu um email sequer…

O Hotwords, após me convidar gentilmente pra participar do programa, com promessas de percentuais altíssimos de ganhos, deu uma trabalheira infinita pra configurar (página a página) e erros que tentávamos resolver conjuntamente durante meses. Isso tudo para ganhar uma miséria no final (menos de um vigésimo que o Adsense, por exemplo).

E agora, recentemente, acabou retirando os seus links, sem avisar nada a ninguém, de todas as páginas que continham a palavra “morte”. Ora, num site de poesia, onde o selecionador das mesmas tem tendências filosóficas, faz algum sentido isso? Os já raríssimos cliques, com isso, caíram simplesmnte em 10 vezes. Segundo eles, era para evitar problemas com clientes e a queda do avião da TAM em Congonhas (!).

Aproveitei pra repensar e examinar melhor o programa deles e notei que, deixando o mouse parado sobre a palavra “cultura” na minha página inicial, aparecia um anúncio sobre floricultura. Como se não bastasse, se clicássemos no mesmo, cairíamos no Wal Mart! Isso não tira a credibilidade de qualquer site?

Pra completar, a responsável pelo atendimento com quem tratei nesse final, só faltava xingar a mãe e responder como robô que a culpa era minha, independente da questão. E não consegui falar com outra pessoa de lá até o final disso.

Desisti de vez, com prazer. Retirei tudo do blog e do site. E eles, pelo menos, pagaram a merreca que me deviam, justiça seja feita… Mas aposto que não foi coincidência o fato dos lucros com minhas parcerias dispararem desde então.

Fico pensando no dinheirão que essas organizações desorganizadas gastam para conseguir novos clientes ou parceiros, para depois perderem assim, sem o menor esforço…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *