TRINTA

Trinta minutos para o fim do expediente e eu dirigir trinta minutos para chegar em casa às seis e trinta e jantar em trinta minutos e ver TV por vários trinta minutos e me lamentar por trinta minutos por mais um fim-de-semana sem sentido cheio de trinta minutos sem paixão antes de dormir.

(Fabio Rocha – 07/01/2005)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *