PARA NICOLAS BEHR

Esperando o conSerto
do carro
num subúrbio do Rio
enquanto as amendoeiras aplaudiam
suas folhas dançando no chão
e o vento espalhava
no asfalto sujo
o escarro
dos gordos sem camisa
li
maravilhado
(mas sem ser viado)
seu Umbigo poetado.

3 respostas

  1. Gostei do poema, dá uma imagem bem presente e real do quotidiano!Adorei o “li”… verso minúsculo, de duas letrinhas apenas, mas que marca a grande diferença entre as duas imagens/momentos presentes no poema: por um lado a espera (com conotações negativas: “subúrbio”, “asfalto sujo”, “escarro”) mas enquanto isso, por outro lado – calmamente, subentende-se – a satisfação (com conotações positivas: “maravilhado”, “poetado”). Tudo por causa de um “li”! A poesia é mágica mesmo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *