A LUDWIG

Nove luas
em Beethoven
mancham o céu
com som.

2 respostas

  1. Adorei o filme sobre o músico (e o poema a ele dedicado). Combinação perfeita de imagens, palavras, movimento de câmera e sons. E a melhor companhia possível 🙂 beijos

  2. Olá Fábio :Inspirei-me em mi bemol…Abraço.Ricardo MainieriSolitário & surdoouvia Beethovencompassos bináriosde seu coração…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *