MATINAL NUBLADO

O vento
mareja
o verde.

Cada folha
parte
cada folha
o todo
dança:
Arte.

Uma resposta

  1. show! o que a mãe terra não nos diz?então, aquela dos beijos, a parte que você não entendeu é pra deixar as pessoas meio tontas mesmo, mas significa que ambos são um só…”teus braços e os meus,já nem existem mais…”a palavra existir vem de exo stare, ou, na tradução mais correta possível, estar colocado fora de (por incrível que pareça, li essa tradução em um livro de um excelente linguista e ocultista, Humberto Roden), ou seja, os braços, fundidos, não existem mais, pois uma coisa só existe em relação a outra, por exemplo: eu existo em relação ao estado de São Paulo, mas não ao estado do Paraná… sendo assim, quando os braços se fundem, um em relação ao outro deixam de existir… esses versos visavam passar a idéia de que o amor que partilhavam formou um só ser…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *